Gauchão: Brasil 2 x 0 São José

Um confronto direto pelas primeiras posições do campeonato gaúcho. Neste domingo, Brasil de Pelotas e São José se enfrentaram no Estádio Bento Freitas. E o Xavante teve um controle total da partida, vencendo por 2 a 0. Sousa e Matheus Lima marcaram para o time do técnico Clemer, que soma mais um vitória e chega aos 16 pontos. Já o Zeca, fica com 11 na quinta posição.

O Brasil começou com tudo, pressionando o São José. Logo no primeiro minuto, o meia Mossoró avançou e rolou para o estreante Léo Bahia, que só não marcou porque parou no goleiro Fábio. O Xavante controlou a primeira metade da etapa e o gol logo apareceu. Aos 14 minutos, Léo Bahia roubou a bola e serviu Sousa. O volante só teve o trabalho de tirar do goleiro e comemorar. Aliás, o médio defensor entrou no lugar de Itaqui, desfalque com por uma lesão na hérnia. Na segunda parte do primeiro tempo, o panorama da partida não mudou em nada. Os mandantes propondo o jogo e o Zeca com sérios problemas no sistema defensivo. Aos 35 minutos, o São José chegou com uma finalização que quase pegou o goleiro Marcelo Pitol de surpresa. Logo depois, o time de Clemer perdeu  uma chance real de ampliar. Alisson Farias, em velocidade, avançou e passou para Toty. O meia na cara de Fábio, finalizou para boa defesa do arqueiro.

Depois do intervalo, o Xavante continuou em cima do Zeca e exigindo o goleiro Fábio a fazer alguns interceptações. No entanto, o jogo não foi tão movimentado em relação ao mesmo nos primeiros 45 minutos. Aos 30 minutos, o São José reclamou muito do árbitro Lucas Guimarães Horn. Isso porque, Pitol fez falta providencial fora da área em contra-ataque do Zeca e só recebeu o amarelo, sendo que era uma chance real do empate. Aos 41 minutos,  Éder Sciola cobrou escanteio e Matheus Lima torneou um tiro para o fundo das redes, deixando a torcida Xavante ainda mais feliz. Após o gol, Éder Sciola e Márcio Jonatan começaram uma confusão e foram expulsos por Lucas Horn. No final, Juninho quase marcou o terceiro do clube de Pelotas.

Final de partida, 2 a 0 para o Xavante

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *